-->

David Heyman fala sobre 3D em entrevista.

O produtor da saga Harry Potter, David Heyman, participou de uma entrevista no site FirstShowing, onde falou, entre outros assuntos, sobre a conversão de Harry Potter e as Relíquias da Morte ambas as partes para a versão em terceira dimensão, o 3D.

Yates justifica detalhadamente o porque do cancelamento da exibição em 3D de Harry Potter e as Relíquias da Morte parte 1, o que não tinha sido explicado muito bem pela Warner Bros. e fala da possibilidade do lançamento de ambas as partes de Relíquias da Morte na versão em Blu-ray 3D, além da confirmação da exibição da segunda parte em 3D, nos cinemas.
"O que aconteceu com HP7: Parte 1 é que não tínhamos muito tempo para fazê-lo certo. Poderíamos ter feito, mas ficaria uma porcaria e ninguém iria querer isso. Por que estragaríamos agora?"
Confira logo abaixo, clicando em 'mais informações' a parte da entrevista em que Yates fala sobre o 3D. Fiquem ligados ao Apparattus para mais informações. Harry Potter e as Relíquias da Morte parte 2 chega as os cinemas no dia 15 de julho do próximo ano também na versão em 3D, enquanto a primeira parte, Harry Potter e as Relíquias da Morte parte 1 já se encontra em exibição nos cinemas de todo o mundo.


Comentários de David Heyman sobre a conversão do 3D em Harry Potter e as Relíquias da Morte: Partes 1 e 2
Tradução e Adaptação de Gustavo Prado (oclumência)

Se você for utilizar o 3D, como fazer ele deixar a sua história melhor? Eu não acredito que as coisas precisam sair da tela ou fazer uma profunda aproximação ao público, então nós iríamos ver o que podíamos fazer. Em IMAX funciona direito, mas este é muito diferente. Fizemos testes com 250 tomadas e o resultado foi interessante. Cenas que eu achei que não dariam certo, como por exemplo a dança [de Harry e Hermione], funcionaram muito bem, porque neste filme as filmagens são feitas com lentes longas e a compressão para o 3D nessas lentes não ficam muito boas, mas a dança foi linda porque você destaca os dois sozinhos e a barraca ao fundo. Eu achei muito lindo pelo jeito que o 3D mostrou trazer a atmosfera e o enredo do filme.
O que aconteceu com HP7: Parte 1 é que não tínhamos muito tempo para fazê-lo certo. Poderíamos ter feito, mas ficaria uma porcaria e ninguém iria querer isso. Por que estragaríamos agora? E quando nós percebemos que não teríamos tempo para converter, tivemos uma conversa de adulto com o estúdio e falamos, ‘olha, isto é um problema’. E eles entenderam e nós abandonamos o projeto. Eles esperavam obter 20% a mais na renda do filme e isto é muito. Então nós decidimos não converter e eles apoiaram a ideia.
Na segunda parte é diferente. Nós já começamos o processo e o filme é bem diferente. É um filme épico e com ângulos maiores, cenas mais abertas e o 3D funciona melhor com isso. Então veremos como funcionará. Já começamos o processo e temos a intenção de fazê-lo dar certo. Então vamos ver. Teremos tempo e o importante é que teremos um combo com a Parte 1 e a Parte 2 em DVD para o natal e a parte 1 será em 3D também – não para os cinemas, claro, mas sim para os DVDs.

0 comentários:

Postar um comentário